Falando Com A Cancela Do Shopping

Oi, oi, oi! Tudo bem com você???

Semana passada eu fiz uma viagem de mini férias com minha família pra Gramado.

E na nossa passagem pelo Rio Grande do Sul, eu e Gilmar fomos jantar com um casal de amigos no Shopping Canoas.

Sempre que vou ao shopping, eu presto atenção na gravação da cancela que recebe as pessoas.

Em quase 100% dos casos, é uma voz robótica e travada.

Mas não é porque é uma máquina que precisa ser assim.

Antigamente, logo que as máquinas começaram a falar, era muito legal elas terem “voz de robô”. As pessoas ouviam e falavam:

“Nossa, que legal. Um robô falando com a gente!”

Mas com o tempo, a experiência do usuário em ser atendido por máquinas passou a não ser mais tão boa assim.

Hoje as pessoas querem se relacionar com pessoas. Como não é viável para os shoppings colocarem uma pessoa em cada cancela, a solução seria fazer essa gravação com uma voz mais natural, mais humanizada e simpática, que conecte mais com as pessoas que estão indo visitar o shopping.

A mesma regra vale para as gravações de call certer, URA e espera telefônica.

As grandes empresas hoje buscam vozes mais humanas, para que o usuário tenha a sensação de estar falando com uma pessoa e a sua experiência seja a melhor possível.

E aí na sua empresa? Como é a voz que grava o atendimento das máquinas?

Gravação De Propaganda Varejo – Drogarias Coop

Hoje eu gravei uma propaganda de varejo para as Drogarias Coop aqui no meu estúdio.

Gravar propaganda de varejo parece fácil, mas é sempre um desafio.
Toda vez que termino de gravar uma propaganda de varejo eu digo: Haja fôlego!!!

Ter uma boa dicção e fôlego são imprescindíveis nesse caso. Não adianta respirar nos lugares errados e/ou atropelar todas as palavras, e no final ninguém conseguir entender nada.

Dá-lhe sessão de fono e academia! Ambas me ajudam muito a ter a dicção impecável e o fôlego necessário pra gravar propagandas que necessitam dessa atenção especial.

Será que a locutora que você anda contratando pra gravar suas propagandas cuida disso? #ficaadica

Você já me segue no Instagram? Tem muita coisa legal por lá! O endereço é: @locutoraflavialima

3 Motivos Pra Você Gravar Vídeos (De Uma Vez Por Todas!)

Você é daquelas pessoas que fazem de tudo para evitar falar pra uma câmera (gravar um vídeo)?

Infelizmente isso é muito comum, mas tem gente que não se dá conta do prejuízo que isso pode causar na sua carreira hoje em dia.
Por isso, eu gravei esse vídeo pra compartilhar com você 3 motivos pra você começar a gravar vídeos de uma vez por todas!

1. Você com certeza sofre com a concorrência no seu nicho, não é verdade? Em um cenário profissional tão competitivo, as melhores oportunidades surgem para quem está melhor preparado e isso envolve saber se expressar em qualquer situação, e isso com certeza inclui gravar vídeos.

2. Com certeza você sabe das qualidades do seu produto ou serviço, mas será que as pessoas sabem disso? Se você é bom no que faz, mas tem dificuldade para falar, é possível que muita gente não consiga dar o devido valor às suas atividades. Uma ótima maneira de divulgar isso para as pessoas é gravando um vídeo e colocando na internet. Você deve ser o maior defensor e “vendedor” das suas ideias.

3. Se o seu concorrente ainda não faz vídeos, com certeza ele logo vai começar a fazer porque hoje em dia não tem mais como fugir disso. Quem não se posiciona, deixa que outra pessoa o faça em seu lugar.

E aí, você vai ficar pra trás? Sabe qual o melhor caminho para poder começar a gravar vídeos de uma vez por todas?

É se preparar sempre: dominar o conteúdo, saber organizar um assunto e praticar técnicas para agir mais naturalmente na frente de uma câmera. Ser você mesmo transmite mais confiança, facilita a compreensão e faz as pessoas se conectarem com você!

Eu tenho um Workshop presencial em Londrina que te ensina técnicas pra você agir mais naturalmente na frente de uma câmera.
Nessa página você fica sabendo quando é a próxima turma: www.gizar.com.br/vocenofoco/inscricoes

Gostou dessas dicas? Então compartilha com quem morre de vontade de começar a fazer vídeos, mas por algum motivo ainda não começou a gravar.
Não esquece também de se inscrever no meu canal. Preciso de 1.000 inscritos até o final do ano. Conto com você 🙂

Um beijo e até a próxima!

Levei Uma Cadeirada Da Minha Vizinha!!!

Final de semana do dia dos pais eu fui passar com a minha família lá na minha cidade natal, Janiópolis, e fiquei lembrando de quando eu era criança, as coisas que eu fazia, do que eu brincava…e aí lembrei de uma vez que eu levei uma cadeirada da minha vizinha…

Então resolvi esse vídeo pra vocês contando 3 fatos da minha infância. Se prepara pra dar risada kkkkk Read More

Quanto Custa Uma Gravação Comigo?

Junto com a pergunta de “como funciona pra fazer uma gravação comigo” essa é das perguntas que eu mais recebo quando uma pessoa entra em contato comigo. Então eu resolvi fazer um vídeo pra resumir quanto custa o meu trabalho.

Eu não trabalho com tabelas prontas. Cada trabalho pra mim é único e eu levo em conta alguns fatores pra calcular quanto eu vou cobrar, como tamanho do texto, complexidade técnica da gravação e exposição da voz (alcance de veiculação).

Eu separo o orçamento em dois fatores:
O primeiro fator é a PRODUÇÃO e aí está englobado mais dois pontos:
ESTÚDIO: taxa para manutenção física do estúdio, computadores, microfone e equipamentos em geral. Estúdios que possuem maior investimento em equipamentos e estrutura custam mais caro.
HORA DE TRABALHO: pagamento pelo tempo dos profissionais envolvidos. Profissionais mais qualificados tem um custo de hora maior.

E o segundo fator é o DIREITO PELO USO DA MINHA VOZ. Quando um locutor tem sua voz ligada à uma determinada marca, pode perder oportunidades de fazer trabalhos para outras empresas do mesmo nicho. Por isso existe a cobrança do direito de uso da voz.
Então quando você contrata um locutor, você não tá comprando apenas um arquivo de áudio gravado, mas está usando a voz, algo que pertence ao profissional e que é único.

Se você ficou com alguma dúvida ou quer fazer um orçamento comigo, me manda um e-mail: falecom@locutoraflavialima.com.br

Me segue nas redes sociais:
Instagram: @locutoraflavialima
Facebook: @locutoraflavialima
Youtube: /locutoraflavialima

3 Ideias Que Vão Deixar Sua Espera Telefônica Sensacional

Você já precisou ligar alguma vez em um call center pra resolver um assunto qualquer?
Tenho certeza que já. ..
E aí, como foi essa sua experiência?
Mas deixa eu te perguntar outra coisa.
Como está sendo a experiência dos seus clientes quando ligam pra você?
Hoje eu compartilho com você 3 ideias para deixar seu atendimento telefônico menos chato pro seu cliente.
1 – SIMPLIFICA: Não tem nada mais chato do que ligar num lugar e demorar pra ser atendido. Será que não tem nada na sua URA que pode ser retirado pra agilizar o atendimento de quem está aguardando na linha?
2 – NÃO USE MUSIQUINHAS NA SUA ESPERA TELEFÔNICA: Pois é, musiquinha tocando enquanto o cliente aguarda atendimento é uma coisa muito chata, mas ainda tem gente que insiste usar isso na gravação da espera telefônica. Algumas empresas ainda dizem: “Bota uma musiquinha clássica aí que é pra acalmar o cliente”. Sabe o que acalma seu cliente? Ele ser atendido rápido. Eu sei que tem casos que o atendimento rápido não é possível, mas então, no lugar de só colocar uma musiquinha chata tocando, use esse espaço para gerar em seu cliente mais desejo por consumir seus produtos. Pode ser alguma dica que o ajude a resolver um problema ou realizar algum sonho.
3 – FAÇA COM QUE SEU CLIENTE TENHA UMA EXPERIÊNCIA AGRADÁVEL AO LIGAR PRA SUA EMPRESA:
Ser atendido por uma máquina é chato mesmo. Antigamente isso de ser atendido por um robô podia até ser legal, mas hoje as pessoas querem se relacionar com pessoas. Como fica inviável para as empresas contratarem muitos funcionários para atender os telefones, então criou-se a espera telefônica. E aí eu te pergunto: mas e se a máquina não falar como máquina, mas sim como uma pessoa? Foi aí que as grandes empresas adotaram essa técnica de usar textos mais simples e impessoais e contratar locutores que fizessem uma locução mais coloquial, que gerasse mais proximidade com os clientes que precisassem ligar pra empresa. Massa, né?

Se você usar essas três ideias aí na sua espera telefônica, com certeza ela vai ficar sensacional!
Agora me conta nos comentários como é o atendimento telefônico aí na sua empresa, principalmente se você tiver uma espera telefônica.


Me segue nas redes sociais:
Instagram: @locutoraflavialima
Facebook: @locutoraflavialima
Youtube: /locutoraflavialima

Resolva O Problema do Seu Cliente Com Sua Propaganda

Pessoal, o vídeo de hoje é a gravação de uma propaganda que eu fiz pra Tupperware.
Eles procuravam uma locutora com voz suave e amiga para conectar com a dona de casa, público alvo deles.
Eu achei o texto da Tupperware muito legal, porque ele propõe resolver o problema de um cliente.
Não adianta na gravação do seu comercial você anunciar apenas os seus produtos. Tente realizar sonhos e resolver problemas do seu cliente.
E quando for contratar a locutora para gravar sua propaganda, escolha uma locutora que se atente a esses detalhes.
É uma pena que muitas pessoas que trabalham com publicidade e propaganda ainda não estejam ligadas nisso.


Me segue nas redes sociais:
Instagram: @locutoraflavialima
Facebook: @locutoraflavialima
Youtube: /locutoraflavialima

O Cliente Não Aprovou O Job! E Agora?

Você seguiu o briefing, teve uma ideia bem legal, fez uma coisa diferente, criativa, mas quando você apresentou pro seu cliente ele não aprovou.


Aí você muda aqui, muda ali, mas o cliente não aprova.
Agora você vai ter que começar tudo de novo e pensar numa ideia totalmente nova.
Sabia que, às vezes, o problema não está na ideia? (Bem, em alguns casos é na ideia mesmo).
Pode ser que o problema seja apenas falta de explicar os detalhes pro seu cliente. Explicar porque você fez de um jeito e não de outro e porque dessa forma vai dar mais resultado pra ele.
É que o cliente já tem uma ideia na cabeça dele, mas cabe a você, explicar que existe um outro jeito que dá mais resultados.
Eu estou falando isso porque aqui no estúdio acontece esse tipo de problema.
Hoje em dia a locução mudou e não é mais formal e “quadradona”. Agora é mais leve, informal, mais solta, do jeito que as pessoas falam no dia a dia, só que muita gente (muita gente mesmo) ainda não se ligou nisso.
Aí eu procuro sempre falar isso pro cliente pra ele entender porque eu fiz a locução sem pronunciar todos os sons certinhos.
Só que tem vezes que eu esqueço de explicar isso.
Aí tem cliente que volta dizendo “Você falou errado, Flávia, não saiu o som de algumas letras”.
Mas quando eu explico, a reação do cliente geralmente é “ah, legal, não tinha pensado nisso”. O máximo que acontece é um cliente ou outro que é mais tradicional acabar me pedindo para fazer a locução da forma tradicional, mas sem nenhum problema.
Então no seu próximo projeto, explique pro seu cliente o porquê de cada detalhe.

—————————————————————————————————————————————-
Me segue nas redes sociais:

Instagram: @locutoraflavialima
Facebook: @locutoraflavialima
Youtube: /locutoraflavialima

Você Sabe Quem, De Fato, É Seu Concorrente?

Já parou pra pensar que nem todo mundo que vende o mesmo produto ou serviço que você é seu concorrente?


É isso aí, meu filho!
Nem todo mundo que vende bolo é concorrente de quem vende bolo.
Nem todo mundo que vende comida é concorrente de quem vende comida.
(olha eu falando de comida).
Em toda cidade tem uma pessoa que faz uns bolos pra vender, coisa mais simples, feito em casa mesmo.
Mas também tem aquele lugar que vende aqueles bolos lindos e maravilhosos, com aqueles recheios… hummm… Decoração do bolo toda personalizada, numa embalagem que você tem até dó de jogar fora, de tão bonita que é…
Aí, chega um monte de gente nesse segundo lugar e fala “tudo isso, o kilo do bolo? A minha vizinha faz bolo também e cobra bem menos que isso”. .
Consegue entender que esses dois vendedores de bolo aí não são concorrentes?
Quem quer um bolo mais elaborado, para uma ocasião especial ou quer comer um bolo com sabor mais refinado, vai pagar mais caro por um bolo personalizado.
Já quem só quer um bolo, nada mais que isso, vai comprar com quem vende mais barato.
São dois públicos com necessidades diferentes.
E em todos os nichos de negócio é assim, inclusive no meu nicho.
Se você procurar aí na sua cidade ou na internet, vai encontrar um monte de locutoras (um monte mesmo) que cobram muito mais barato que eu.
Mas será que elas investem tempo e dinheiro como eu invisto, pra entregar uma gravação com excelência?
Será que elas treinam as mesmas técnicas que eu, pra que a gravação transmita para o seu cliente os sentimentos que você quer transmitir?
Será que gravando com uma locutora que cobra bem mais barato que eu, sua gravação vai chamar a atenção do seu cliente da maneira como você precisa?
E você? É do tipo de cliente que só quer o menor preço ou também busca qualidade na hora de contratar um profissional?


Me segue nas redes sociais:
Instagram: @locutoraflavialima
Facebook: @locutoraflavialima
Youtube: /locutoraflavialima